Cia  da palavra

A poética transforma a palavra num cristal de rara beleza.

Ler é nobre.
Meu Diário
12/10/2019 14h03
Sim,sim. É assim.

Silencias,balbucias.
Espera silenciosa.
Ociosidade .
Espanta-se o espanto
de sentir- se só.
Solidão sorridente.
Solução medonha
da imparcimônia do ser 
brutal.
Agoniza a dor
Silencias servil
a fragilidade .
Sim, sim.  É assim.


Publicado por COSMO em 12/10/2019 às 14h03
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
11/10/2019 13h54
Pensamento

Devemos ter sempre em nossa mente que cada passo de nossa vida deve seguir sempre a cartilha da consciência.

 

  Este pensamento nasceu de um momento,onde constatei um jovem indiferente a um idoso de muletas que desejava apenas sentar.


Publicado por COSMO em 11/10/2019 às 13h54
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
11/10/2019 13h44
A paz

paz se faz. 

Depende de nós.

 

A paz se desfaz

depende de nós.

A paz é movimento,

é ternura, é vida.

Para se ter a paz

depende de nós

de ninguém mais.


Publicado por COSMO em 11/10/2019 às 13h44
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
10/10/2019 16h22
Brasil

Brasil

Beleza

Religiosidade

Audácia

Sincronia

Iluminado país

Lição de Natureza.


Publicado por COSMO em 10/10/2019 às 16h22
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
10/10/2019 15h47
Nem sempre

Nem sempre

Nem sempre se vive esperando,

nem sempre se vive amando.

Nem sempre se acha o acaso.

Se torce ao contrário.

Nem sempre se ama o 

           amor.

 

Se sacia sem comer.

Se vive sem viver.

Nem sempre, nem sempre....

mas sempre se acorda,

pois o relógio marca a hora

e o tempo marca o

              sempre.

 


Publicado por COSMO em 10/10/2019 às 15h47
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Página 4 de 7 1 2 3 4 5 6 7 [«anterior] [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras